aprender frances

Efeito Pigmaleão: a representação da vida escolar periférica parisiense

Efeito Pigmaleão é um dos novos filmes franceses de 2020 disponíveis na Netflix. Apesar de ter sido lançado recentemente, o filme já está dando o que falar por sua temática no estilo Mentes Perigosas – clássico americano dos anos 90 que fez a música Gangsta’s Paradise estourar nos Estados Unidos. O filme francês faz uma clara referência ao filme estadunidense ao utilizar a música original Pastime’s Paradise, do Steve Wonder.

 

Indicações de filmes: mês de outubro

 

As indicações de filmes do mês de outubro foram continuações do mês passado: todos filmes franceses que abordam a surdez (surdité) e a cegueira (cécité). 

 

A escolha desses filmes ocorreu porque são filmes que nos ajudam a compreender um pouco mais sobre o universo de pessoas que são cegas (aveugles) e surdas (sourds), além de explorar a língua de sinais francesa.

 

Caso você queira saber um pouco mais sobre eles, recomendo que leia os textos sobre A Família BélierA Linguagem do Coração e Guiados pelo Coração.

 

Indicações do mês de novembro

 

Contudo, o filme de hoje – assim como o filme Uma Família de Dois da semana passada –  não tem ligação com nenhum desses outros três filmes apontados! Para inovar um pouco, trouxe um filme que você com certeza não se arrependerá de ter assistido. 

Efeito Pigmaleão
foto divulgação

Efeito Pigmaleão na Psicologia

 

Antes que eu me aprofunde no filme, é necessário abordar o fenômeno que leva o nome do filme. Efeito Pigmaleão, na psicologia, surgiu com o psicólogo Robert Rosenthal e Lenore Jacobson que definem o fenômeno de uma forma muito interessante: quanto maiores as expectativas que se têm relativamente a uma pessoa, melhor o seu desempenho

 

Teste de QI

 

Ambos realizaram um experimento em uma escola primária da Califórnia, no ano de 1986. Estes alunos foram submetidos a um teste de QI no início do ano. Assim, os psicólogos reuniram os professores e disseram que 20% dos alunos tinham conseguido uma nota acima da média.

 

Também disseram que os alunos teriam grandes chances de crescerem academicamente ao final do ano. Os psicólogos passaram os nomes dessas crianças, porém, esse nomes não foram divulgados para outras pessoas.

 

O Resultado

 

O que aconteceu? Ao final do ano, esses alunos realmente tiveram grandes resultados ao fazerem o mesmo teste de QI do começo do ano. Contudo, o que os professores não sabiam é que os nomes dados a eles foram feitos arbitrariamente – os alunos haviam tirado a mesma nota que os outros.

 

E assim, a teoria dos psicólogos provou-se correta: os professores criaram expectativas sobre os alunos escolhidos e agiram de modo diferente com eles, o que ao final ocasionou realmente uma melhora no QI dos alunos.

Efeito Pigmaleão
foto divulgação

Efeito Pigmaleão: O Filme

 

O filme Efeito Pigmaleão conta a história de Samia Zibra (Zita Hanrot de Plan Coeur), uma conselheira educacional que começa a trabalhar numa escola que reside em Saint-Denis, um bairro pobre da periferia de Paris. Samia começa a cuidar de alunos que, na visão dos professores, são difíceis de lidar.

 

Ao ter que lutar com seus próprios problemas pessoais, a conselheira educacional percebe que além de ter que disciplinar os alunos, também terá que disciplinar os professores. Para que, dessa forma, os garotos tenham alguma perspectiva de futuro.

 

Efeito Pigmaleão
foto divulgação
Yanis

 

Um dos focos dos do filme é o aluno Yanis (Liam Pierron), que é considerado por todos o pior tipo de aluno-problema da escola. Yanis é um rapaz que, apesar dos problemas em que se mete, é inteligente, carismático e esperto.

 

A maior parte das crianças e adolescentes do filme são descendentes de imigrantes, pobres e sem perspectivas de vida. Com Yanis não é diferente e talvez até pior – o rapaz precisa lidar com o seu pai que está preso. 

 

O filme nos mostra a bruta realidade dos jovens da periferia de Paris, o sistema educacional francês – que pode ser tão falho quanto o brasileiro – e o fato de que além de precisar ter um bom sistema de ensino, os professores precisam estar dispostos a lutar pelas crianças – mesmo que elas não estejam dispostas a lutar por si mesmas.

foto divulgação

O filme está disponível na Netflix em francês e em português, mas aconselho a assistir em francês com legendas em português. Agora, me diga: você já assistiu a esse filme? Se sim, me conte nos comentários o que achou! E caso ainda não tenha visto, aproveite o fim de semana para botar sua listinha de filmes em dia!

Quer ir além no aprendizado?

 

Me siga no Instagram e YouTube para ficar por dentro de vários conteúdos incríveis sobre a língua, cultura e literatura francesa!

 

 

À la prochaine,

 

Elisa.

 

Elisa Fingermann

Elisa Fingermann

Professora

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Todos os direitos reservados em 2019 para Avec Elisa.

CNPJ: 35.011.297/0001-75 | AVEC ELISA CURSO DE IDIOMAS | R: MEDEIROS DE ALBUQUERQUE, 55
Email: [email protected]

Domine os
sons do francês!

Preencha os campos abaixo para receber uma aula exclusiva!

Não enviaremos SPAM :)